domingo, 10 de outubro de 2010

Sondagem Especial de Meio Ambiente

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgou o relatório Sondagem Especial de Meio Ambiente.

Apresentado como importante indicador da adoção de gestão ambiental empresarial, pontua a incorporação da gestão ambiental pela grande maioria das indústrias em suas cadeias produtivas por questões mercadológicas: 79% declararam que o fazem por preocupação com a imagem e reputação da empresa. Em seguida, vem a obrigação legal: 78% informam que cumprem exigências do licenciamento ambiental; e 67%, regulamentos ambientais; quase 66% por política interna das empresas, e 55% para reduzir desperdício de insumos e matérias primas.

Os programas mais adotados pelas empresas dentro do SGA foram a redução da geração de resíduos (80% das empresas), o uso eficiente de energia (70%), a redução do consumo de água (58%), o uso de resíduos como matéria-prima ou insumo (46%) e a reutilização de água (44%). Já a proteção de áreas ambientais sensíveis teve adesão de 36%, enquanto investimentos na produção da biodiversidade abrangeram apenas 7%.

A pesquisa mostra que 88% das empresas previam investir em preservação ambiental em 2010. Na opinião das empresas entrevistadas, esses investimentos deveriam ser impulsionados por meio de incentivos fiscais, acesso a crédito de fundos ambientais e pelo pagamento por programas de conservação.

A sondagem da CNI foi feita com 1.227 empresas (677 pequenas, 367 médias e 183 grandes), entre os dias 5 e 19 de abril.

Nenhum comentário:

Postar um comentário